quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Polêmica: Beijo Gay x Youtube

Se homossexuais não podem se beijar na TV e nem na internet, como exigir que aceitem seu beijo nas ruas? Gays, conscientizem-se, exijam visibilidade e beijem onde quer que seu afeto permitir!

Sem visibilidade não há aceitação.


O vídeo me foi mandado por e-mail pelo Rafael Mattos e pouco tempo depois foi censurado pelo youtube. Ou melhor, usuários denunciaram e o youtube acatou, assim como aconteceu aqui com a SD. Vejam a reportagem do JB sobre o assunto.
** *
Segundo as regras do Youtube, os vídeos marcados como impróprios e disponíveis apenas para maiores de idade cadastrados no site têm conteúdo com sexo e nudez, apologia ao ódio, chocante, repugnante, atos perigosos ou ilegais. Procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa do Google, empresa responsável pelo site de vídeos, explicou que o conteúdo teve seu acesso limitado por causa de denúncias de outros usuários.

"O Google não repudia a atitude de quem colocou o vídeo no ar de qualquer forma e somos contra qualquer tipo de preconceito, mas sabemos que se trata de um tema polêmico, como o próprio usuário fez questão de ressaltar", explicou a assessoria de imprensa da empresa. "Caso o usuário requisite, podemos rever a classificação. Não somos homofóbicos, apenas acreditamos que se trata de um tema sensível".

A postura do site revoltou até mesmo os próprios usuários do site, que mandaram mensagens de apoio a Puetter através do seu canal.

"Num país onde atos de homofobia são comuns, as pessoas são mais tolerantes com uma cena de violência do que uma cena que mostre afeto. Lamentável", diz um deles. Em outro, o usuário reclama da maneira como os gays são retratados na mídia. "O que passam é que o gay nunca é discreto, sempre espalhafatoso, sempre apoiada nos estereótipos. E qualquer demonstração de carinho é tratada como indecente".

Para Rafael Puetter, o mais revoltante é que a censura do Google aconteceu na internet, meio de comunicação considerado mais livre. Em resposta à censura, o diretor colocou outro vídeo no ar, chamando o Youtube de "Homofotube". Puetter defende que o receio de mostrar cenas com homossexuais na TV dificulta a aceitação deles na sociedade.

"Às vezes criticam os gays pelo nosso desejo de que um beijo homossexual seja exibido na TV, mas todos sabemos que a novela é um ponto muito importante da cultura brasileira", diz o diretor, que só vai processar o Google se a empresa mantiver no Youtube a explicação de que foi ele mesmo quem censurou o vídeo. "A partir do momento que o gay é tratado como inexistente na novela, ele é tratado como inexistente na sociedade. Toda essa polêmica acontece porque as pessoas não estão acostumadas a ver um beijo gay".

A seguir, o Homofotube.

7 comentários:

  1. Ohhhhh, que fofo. Muito maneira a histórinha.

    ResponderExcluir
  2. Achei a história meio gay... =/

    ResponderExcluir
  3. E a outra metade Will KKKK

    Brincadeira.

    Falando sério, o Google não tá nem ligando se o beijo é gay, hetero ou extraterretre, eles receberam reclamações e como uma empresa que só visa lucros censurou o video para ficar do lado da maioria dos usuários.

    ResponderExcluir
  4. Concordo. O problema todo, pra mim, é q ao fazer isso, a empresa acabou apoiando uma atitude preconceituosa das pessoas.

    ResponderExcluir
  5. Will eu já trabalhei em uma empresa de direitos autorais em que enviávamos notificações para o Youtube e posso te garantir o Google nem mesmo vê os vídeos que vai tirar do ar, eles recebem a reclamação e de acordo com ela, reclassificam ou retiram o vídeo do ar e notificam a pessoa que publicou, para que se ele achar aquilo injusto ele que corra atrás de seus direitos, não estou dizendo que o Google esta com a razão, pelo contrário, eles deveriam ter a responsabilidade pelo conteúdo ao invés de lavar as mãos como sempre fazem.

    ResponderExcluir
  6. Valeu pelo post
    Abaixo a homofobia e qualquer forma de censura e preconceito
    Ja participei de um beijaço e foi mt legal contribuir p chamar a atençao sobre o direito q todos tem de expressar afeto
    Violencia pode mas beijo nao?

    ResponderExcluir
  7. Eu tb já participei de um beijaço. Foi divertido.

    ResponderExcluir