sexta-feira, 15 de julho de 2011

Símbolos BDSM

A subcultura BDSM possui vários símbolos para afirmar sua identidade e transmitir seus ideais. Conheçam alguns a seguir.

Leather Pride Flag
É um símbolo usado desde os anos 90. Foi criada por Tony DeBlase em 1989 e foi rapidamente abraçada pela comunidade gay dos amantes de couro. Rapidamente passou a ser associada com o os amantes de couro em geral e com grupos relacionados. O criador deixou a interpretação dos elementos da bandeira a cargo dos observadores...


Triskelion
Basicamente, um triskelion é qualquer imagem composta por três "pernas" simetricamente dispostas em relação a um ponto central. Às vezes são realmente pernas. No caso do triskelion BDSM, seu desenho é bem específico e possui bastante significado.

Os três pontos representam os três tipos de estilo de vida: dominador, submisso e aqueles que alternam. As asas representam os três fatores do estilo de vida: segurança, sanidade e consenso. O círculo é pra lembrar do seu papel e para manter tudo em harmonia.

Anel de O
Este anel é utilizado como marca de distinção entre os praticantes de BDSM, especialmente na Europa Continental (e principalmente nos países de língua alemã) desde os anos 90. O nome vem do principal personagem feminino da clássica história de BDSM, A História de O, de Pauline Réage.

O texto descreve como um anel de sinete (com um disco no topo, como um selo) cinza fosco feito de ferro polido, folheado a ouro por dentro e com um triskelion dourado no seu topo.

No livro, o anel era usado pela escrava após ela terminar seu treinamento em Roissy. Aquelas que usavam o anel eram obrigadas a serem obedientes a qualquer homem que pertencesse à socieade secreta de Roissy, cujo emblema era um triskelion. Atualmente o uso do anel indica apenas que a pessoa está interessada em BDSM e, dependendo da mão que a pessoa usa, se ela é dominante ou dominada.

O formato atual também é diferente do livro. A primeira adaptação para as telas, mostrou um anel de aço cilíndrico, com uma esfera segurando um anel menor ainda, que podia girar. Lembra muito algumas coleiras que são utilizadas pelos praticantes de BDSM.


A primeira imagem deste adereço foi publicada na edição de setembro de 1989 da revista alemã de BDSM Schlagzeilen. Seu design é creditado aos designers de jóias alemães Jörg Hampel e Jan Scheu.

Bandeira dos direitos BDSM
Esta bandeira foi criada para representar a crença de que pessoas cujo relacionamento ou preferências sexuais incluam Bondage e Disciplina, Dominação e Submissão ou Sadismo e Masoquismo merecem os mesmos direitos humanos que qualquer um e não devem ser descriminadas por praticarem BDSM.

Ela é uma fusão da Lether Pride Flag com o Triskelion. Foi desenhada para ser reconhecida por pessoas familiarizadas com estes símbolos como tendo "algo a ver com BDSM". Pode ser reproduzida a cores ou em preto e branco.


2 comentários:

  1. Tô aceitando "A História de Ó" de presente. =P
    Sempre quis ler...

    ResponderExcluir
  2. Ela é uma fusão da Lether Pride Flag com o Triskelion.

    Lether????
    Lether???
    Lether??
    Lether?

    LEATHER ???

    Corrige aí...
    ficou feio!

    ResponderExcluir