quinta-feira, 9 de junho de 2011

Deu vontade!

"Nado sincronizado

A saia curta e de tecido leve facilitava o trâmite entre os dedos da mão dele e a umidade da calcinha dela. O carinho começava sutil, despretensioso, quase sem querer. O gemido ainda era suave, silencioso, denunciado apenas pela boca entreaberta e a respiração ligeiramente ofegante. As vezes, mas só as vezes pra não da muita bandeira, o lábio inferior era assediado pelos dentes superiores, que famintos mordiscavam-o. A sala de projeção já estava com as luzes apagadas. Ele olhava para tela enquanto sua mão, pesando sobre a coxa dela, buscava o limite da calcinha, aquele limite que separa a dúvida da excitação da certeza que é logo confirmada pela boceta que inunda enquanto os dedos mergulham fundo. Nado sincronizado com o indicador e o médio. E aquele gemido abafado o deixava louco..."

Zuza Zapata

2 comentários:

  1. Lindo, lindo, lindo... da até vontade de ver um filme depois desse texto.

    ResponderExcluir
  2. Pois é...deu vontadde em mim tbm...
    Eu tinha colocado uma foto super legal junto, mas o Blogger me trollou! =/

    ResponderExcluir