terça-feira, 14 de junho de 2011

10 motivos para odiar e amar Charlie

Durante uma tarde de bebedeira, Tom e eu entramos nesse embate. Combinamos de deixar aqui nossos argumentos. Como eu fiz sem ler os argumentos do Tom, acabei fazendo a lista sobre o Charlie Harper e não o Charlie Sheen como ele. Mas ele mesmo diz que os dois são um só, então meus argumentos devem continuar valendo.
[Will]

10 MOTIVOS PARA ODIAR CHARLIE SHEEN
  1. Ele é egocêntrico
  2. Ele interpreta a si mesmo. Não só em Two and Half Man, mas em vários outros filmes de que participa.
  3. Ele se faz passar por um anarco-dionisíaco, quando na verdade não passa de um milionárioa mimado.
  4. Ele certamente praticava bullying na escola (o Charles Harper pelo menos).
  5. Ele forçou a saída de Two and Half Man. Odeio atores que abandonam as series. (Ouviu, Lisa Edelstein?!)
  6. Ele vai ficar igual ao Shemp Howard dos 3 patetas quando velho. Mas nunca será mais engraçado que o Shemp.
  7. Ele não trata as mulheres de maneira respeitosa.
  8. Ele não consegue controlar seu consumo de drogas. Isso é deprimente. Não o uso, sim a falta de controle.
  9. Ele é estadunidense e adotou o sobrenome artístico do pai para facilitar sua entrada no mundo artístico. É tipo um Fiuk dos States.
  10. Ele faz com que todos que o criticam na verdade tem inveja. Isso nem é bem por culpa dele, sim de seus fãs.

10 MOTIVOS PARA AMAR CHARLIE HARPER
  1. Ele bebe muito.
  2. Ele transa muito. E transa bem.
  3. Ele é artista. Compositor de jingles e de músicas infantis, mas ainda assim...
  4. Ele mostra que você pode beber muito, transar muito, jogar muito (ou seja, ser dionisíaco) e ainda assim ser muito bem sucedido.
  5. Ele é sincero. Pode soar antipático às vezes, mas de hipocrisia ele não pode ser acusado.
  6. Ele tem problemas psicológicos tão reais quanto os nossos.
  7. Apesar de tudo, ele tá sempre lá quando a família precisa dele, seja o irmão, o sobrinho ou mesmo a mãe.
  8. Se você reparar bem, vai ver muita sabedoria nos conselhos (normalmente sexuais) que ele dá pro Alan e pro Jake.
  9. Mesmo com alguns (ou muitos) escorregões, ele se mantém fiel aos seus princípios. São princípios imorais pra maioria das pessoas, mas ainda são princípios aos quais ele é fiel.
  10. Por fim, ele é uma encarnação moderna de Dionísio!

2 comentários:

  1. Ele é sexy, despretensiosamente sexy. Isso conta mtos pontos.

    ResponderExcluir
  2. Nunca acompanhei TAAHM. No máximo vi um episódio ou outro aleatório, mas acho bacana. Quanto ao Charlie, o da ficção parece melhor que o real. Queria ter assistido mais filmes sessão da tarde como Top Gang com Sheen...

    ResponderExcluir