sábado, 3 de abril de 2010

"a narrativa mais impura já escrita" #8

se alguém ainda duvidava disso, no ciclo das paixões assassinas Sade faz jus à afirmação, por ele mesmo sentenciada, que o seu texto constitue "a narrativa mais impura já escrita". a não ser que você tenha MUITA curiosidade de saber a que nível de podridão a mente humana pode chegar, não continue lendo.

O CONTEÚDO A SEGUIR CONTERÁ ELEMENTOS DE CARÁTER IMORAL E REPUGNANTE.

"1. Ele gostava de se divertir com uma pobretona que não tivesse comido por três dias; e sua segunda paixão é a de deixar morrer de fome uma mulher no fundo de uma masmorra, sem lhe prestar o menor socorro; ele a observa e masturba-se a examinando, mas apenas esporra no dia em que ela perece.
5. Ele açoitava, e mata a mulher impedindo-a de dormir.
10. Um famoso fustigador coloca uma mulher sobre um pivô no qual ela gira incessantemente até a morte.
38. Aquele de quem a Martaine falou, que fingia corta o pescoço da moça, a qual retiravam com uma corda, o corta muito efetivamente esporrando.
40. Ele gostava de chicotear mulheres grávidas no ventre, e incrementa deixando cair no ventre de uma mulher grávida um peso enorme que a esmaga imediatamente tanto ela como seu fruto.
79. Ele gostava de torcer um dedo, e, como segunda,  quebra todos os membros, arranca a língua, fura os olhos, e deixa viver assim, diminuindo todos os dias a comida.
80. Um sacrilégio, o segundo de quem a Martaine falou no dia 3 de janeiro, amarra um belo moço com cordas numa cruz muito elevada, e o deixa lá para ser comido por corvos.
113. Ele enraba, e enquanto sodomiza, abre o crânio, retira os miolos, e os substitui por chumbo fundido."

chega, né? lá tem as torturas mais bizarras.. quem quiser ler mais, pegue o livro.

3 comentários:

  1. 40, 79 e 113 são realmente tensas... Nem preciso dizer q sorri ao ler a 80, ne?

    ResponderExcluir
  2. Já li sobre torturas parecidas no livro Malleus Maleficarium, o manual de "purificação" do tribunal do santo ofício durante a idade média. Álias, lá encontra-se coisas até mais tenebrosas do que as citadas aqui, superando inclusive a brutalidade da 113.

    ResponderExcluir
  3. tem muitas coisas mais tenebrosas lá no 120 dias mesmo.. eu acho que fiz uma seleção involuntária, acho que rejeitei algumas coisas sem intenção por serem extremamente bizarras..

    ResponderExcluir