sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Esta não é a minha opinião



o artista belgo René Magritte, consciente das limitações de atividade artística, não tem a pretenção de ser um criador de objetos e afirma no trabalho "Ceci n'est pas une pipe" (tradução do francês: Este não é um cachimbo), em alto e bom tom, que ele pode tão somente proporcionar um visão subjetiva de um "objeto".

ele reproduziu as formas e cores de um cachimbo. uma pessoa que vir seu quadro terá suas próprias sensações, desencadeadas pela evocação do objeto familiar.

obras de artes como a de Magritte são modelos.

um modelo é uma representação de um "objeto". se por um lado um modelo privilegia certos aspectos do "objeto", ele negligencia muitas outras características, julgadas menos relevantes ou impossíveis de se representar com as técnicas escolhidas - como o odor do fumo, no caso do charuto.

na Alegoria da Caverna de Platão, o filósofo, virando as costas para a abertura da caverna, observa as imagens projetadas no parede pelos movimentos do mundo exterior. ele vê apenas uma imagem da realidade, realidade esta que permanecerá inacessível enquanto eles estiverem presos à caverna.

talvez o artista tenha querido, também, nos advertir a evitar que modelos tomem o lugar de "objetos" nas nossas vidas.

3 comentários:

  1. Só uma obsevação: De fato seria impossível de ser um charuto, pois é a representação de um cachimbo.

    Clara

    ResponderExcluir
  2. Pior q por algum motivo bizarro eu tb tenho mania d dizer q não é um charuto.

    ResponderExcluir